Projetos

Projetos em execução:

ADDPRIME (Multifunctional smart inhibitors for anti-corrosive coatings, enabling a significant reduction of maintenance costs on metallic surfaces) is an SME Instrument Phase 1 project with the objective to do a feasibility report, including a business plan for market introduction.

This project has received funding from the European Union’s Horizon 2020 research and innovation programme under grant agreement No 826638.

lorcenis-eu_logo_1

A participação da SMT no projeto LORCENIS possibilita a introdução dos nossos materiais (aditivos funcionais) no mercado do betão. Durante a execução deste projeto pretendemos testar e validar os materiais desenvolvidos no betão, em condições extremas, juntamente com importantes institutos e empresas deste sector de mercado.

logo-carbcoatpro_v3

O CARBCOATPRO concede a possibilidade de criar materiais multifuncionais combinando o nosso atual conhecimento em conjunto com novos recursos e aplicações. Também permite a validação destes novos materiais juntamente com importantes parceiros no mercado.

 

A participação da SMT nos projetos RISE (SMARCOAT, MULTISURF e TUMOCS) permite a troca de recursos humanos entre os parceiros industriais e académicos envolvidos nos projetos. Assim, estes permitiram o acesso a conhecimento em áreas específicas como revestimentos sensores, pré-tratamentos e desenvolvimento de materiais com novas propriedades, respetivamente.

Projetos concluídos:

BYEFOULING logo

BYEFOULING foi o primeiro projeto europeu em que a SMT participou como parceiro ativo e coordenador técnico. Este projeto permitiu a introdução da SMT num mercado competitivo – revestimento de anti-incrustração – juntamente com importantes intervenientes deste setor. Deste modo permite a aplicação e validação dos nossos materiais em condições reais, nomeadamente contentores de compostos anti incrustantes, desenvolvidos pelos parceiros do projeto.

 

FUNACOP foi o projeto âncora da SMT, e foi concluído com sucesso. Permitiu a instalação e implementação de uma linha de produção de nanomateriais a escala piloto (até 500L de capacidade). Estes materiais são a base dos aditivos multifuncionais desenvolvidos na SMT.

 

A participação da SMT no projeto NANOSENSORES foi importante para estabelecer uma rede nacional no mercado aeronáutico e estar à frente no desenvolvimento de novos revestimentos "inteligentes" para a deteção de impactos.